Carregando aguarde...
Itapira, 25 de Janeiro de 2020
Artigo
27/08/2014 | José Carlos Barbieni: Afinal qual é mesmo seu problema?
Olá pessoal, de volta escrevendo mais um pouco sobre problemas.
Lembram-se dos passos? Bem, espero que os poucos que leram se lembrem de: Reconhecer que temos um problema, Identificar a natureza do problema, Entender esse problema, Identificar possíveis soluções, Entender a solução escolhida, Aplicar a solução escolhida e por fim avaliar o resultado obtido, que realmente parece complicado, mas não é tanto assim.
Comecemos por reconhecer que temos um problema, seja ele financeiro, sentimental, de saúde ou outro qualquer, para se começar a resolvê-lo, é preciso não criar outro, que significa o seguinte:
Se uma pessoa sai atrasada para seu trabalho, e dirige apressado, atravessando farol vermelho, fazendo ultrapassagens perigosas, poderá se envolver em um acidente, e, portanto, além de não resolver seu problema do atraso, pode criar um ainda maior, em caso de atropelamento de algum pedestre ou um ciclista, por exemplo.
Digamos que esse sujeito esteja quase sempre atrasado, para entender esse problema, precisamos entender que estar atrasado não é o real problema dele, mas talvez a falta de planejamento de horário, seja de dormir mais cedo, ou de colocar o despertador para dez minutos antes.
No parágrafo anterior já aventamos duas soluções, a de dormir mais cedo e antecipar o despertador, soluções que precisam ser avaliadas, pois, dormir mais cedo nem sempre é possível, e em geral demora um tempo para nos acostumarmos a dormir mais cedo, além do que, no caso do despertador, precisa-se que o despertador seja confiável... E se ele já falhou antes?
Antes de aplicar as soluções aventadas, é bom entende-las, ou seja, saber o que é necessário para que se acostume a dormir mais cedo, que em qualquer literatura sobre o assunto vai recomendar desligar computador e TV mais cedo, relaxar, cuidados com a luz do ambiente, e por ai afora, bem como avaliar se há necessidade de troca do que se usa como despertador, que hoje em dia vem sendo substituído por celulares.
Bem... Agora que o sujeito descobriu que estar sempre atrasado não era o problema principal, mas o resultado de outros problemas, como solução, adotou novos hábitos, aprendeu a configurar o despertador do celular ao invés de usar aqueles relógios baratinhos e até passou a deixar a roupa de trabalho pronta para vestir já antes de dormir, ganhando mais alguns minutos de manhã, é hora de avaliar os resultados.
De início, é claro que aparecem as dificuldades, pois, dormir mais cedo não exatamente algo mecânico, que se decide dormir e pronto, pode ser que ele se veja mais cansado, mas, na maioria das vezes, descobre-se que sair apenas dez minutos mais cedo, significa encontrar menos trânsito, poder dirigir com mais calma, e como consequência, menos estresse, que mais cedo ou mais tarde, resultará em noites mais tranquilas, com sono recuperador.
Alguns poderão dizer que se complicou demais a solução de um problema simples, que a bem da verdade não era “estar atrasado”, mas ideia do texto é justamente que se possa refletir sobre aplicar esses passos para se encontrar soluções para algo que nos incomoda, ou que acontece em nossas vidas.
Já pensou em ser criterioso assim para escolher seu candidato nas próximas eleições?
Até mais!
Gostou? Não gostou? Comente.
 
A todos muita paz e saúde e proteção.
José Carlos Barbieni – Serralheiro - Técnico em Informática e Administração
Formado na ETEC “João Maria Stevanatto” Itapira-SP
jkarlosbarbieni@gmail.com

  

Fonte: José Carlos Barbieni

Comentários, artigos e outras opiniões de colaboradores e articulistas não refletem necessariamente o pensamento do site, sendo de única e total responsabilidade de seus autores.

Outros artigos de José Carlos Barbieni
Deixe seu Comentário
(não ficará visível no site)
* Máx 250 caracteres

* Todos os campos são de preenchimento obrigatório

440 visitantes online
O Canal de Vídeo do Portal Cidade de Itapira

Classificados
2005-2020 | Portal Cidade de Itapira
® Todos os direitos reservados
É proibida a reprodução total ou parcial do conteúdo deste portal sem prévia autorização.
Desenvolvido e mantido por: Softvideo produções