Carregando aguarde...
Itapira, 16 de Dezembro de 2019
Artigo
05/11/2019 | Luiz Santos: Presbíteros, pastores do rebanho (II)

Continuando a nossa reflexão sobre o ministério dos presbíteros, uma outra importante tarefa que está confiada aos seus cuidados é a estabilidade institucional da Igreja. O presbítero deve ser um homem cuja conduta garanta paz e tranquilidade para a comunidade. Por isso mesmo a Escritura preceitua que o presbítero não deve ser um homem de pavio curto e nem dado à polêmica. Não pode ser um homem extremado em suas posições e nem fechado ao diálogo e deve sobremaneira saber conviver com opiniões divergentes em assuntos secundários, administrativos, de simples opções pastorais ou metodologias ministeriais. Em tempos de crises e essas nunca faltam à igreja, o pastor do rebanho não pode sucumbir às muitas pressões e deixar-se seduzir por soluções simplistas, pragmáticas ou optar por caminhos mais fáceis, quando se há o real perigo de não ter o claro discernimento da vontade de Deus para período de crise, pois é justamente em momentos assim que se torna mais imprescindível saber ler os sinais de Deus e escutar a sua voz em meio à balbúrdia. Um presbítero ideal para a igreja deve ser um hábil construtor de pontes entre os irmãos e as demais lideranças. Um homem que promova a concórdia, que lute para que haja reconciliações e restaurações de relacionamentos fundados no amor e na verdade. Não pode ser alguém que na hora mais aguda do incêndio apareça com um litro de gasolina nas mãos. Logo, não pode ser um elemento desagregador do rebanho que use de fofocas, intrigas e muito menos use de sua posição privilegiada na comunidade para fazer, inclusive, tráfico de influência. Sua condição de representante visa não criar partidos dentro da igreja, mas atender aos interesses do rebanho na sua relação com Deus. Isso implica, entre outros, que necessariamente o presbítero não precisa providenciar o que a comunidade quer, em primeiro lugar, mas de fato o que ela precisa. E o que a igreja de Jesus precisa é um ambiente propício ao progresso da paz, ao perdão, à cura dos relacionamentos quebrados e, de maneira especial, um ambiente favorável para o surgimento de amizades saudáveis, marcadas pelo amor e tuteladas pelas promessas da Aliança. E, aqui, o presbítero deve ser um agente devotado para que esse ambiente surja e se estabilize, não podendo assim sob nenhuma circunstância estar a serviço da intriga, da acrimônia e nem espalhar a cizânia entre os cordeirinhos do Senhor. Há cinco atitudes que um presbítero deve tomar a sério em seu ministério, se quiser ser útil e abençoar a igreja da qual é pastor: 1. Encher-se continuamente do Espírito para não sucumbir aos pendores da carne; 2. Cultivar o fruto do Espírito, de maneira especial o domínio próprio e a amabilidade a fim de promover a paz e a harmonia no rebanho; 3. Levar a sério o que Paulo ensina em Filipenses 4.8 de modo que possa favorecer o surgimento desse ambiente, desse habitat natural à santidade; 4. Dedicar-se a oração com disciplina, zelo e devoção para aguçar a sua capacidade de reconhecer a voz de Deus e discernir o seu querer quando dias de grande agitação chegar. E ainda, para que a sua comunhão pessoal com Deus favoreça a sua comunhão com os santos na igreja; 5. Encharcar a sua alma das Escrituras, saturar a sua mente da Palavra de Deus, abastecer até o ponto de transbordar o coração das doutrinas Bíblicas. Assim, o seu julgamento da realidade, o seu discernimento do momento, a sua decisão frente aos desafios e a palavra que sair de seus lábios reflitam exatamente a mente e a vontade de Deus para a comunidade a quem serve como pastor e pai. Que o Senhor nos dê presbíteros segundo o seu coração.

Reverendo Luiz Fernando é Presbítero Docente na Igreja Presbiteriana Central de Itapira. 

Fonte: Luiz Santos

Comentários, artigos e outras opiniões de colaboradores e articulistas não refletem necessariamente o pensamento do site, sendo de única e total responsabilidade de seus autores.

Outros artigos de Luiz Santos
Deixe seu Comentário
(não ficará visível no site)
* Máx 250 caracteres

* Todos os campos são de preenchimento obrigatório

304 visitantes online
O Canal de Vídeo do Portal Cidade de Itapira

Classificados
2005-2019 | Portal Cidade de Itapira
® Todos os direitos reservados
É proibida a reprodução total ou parcial do conteúdo deste portal sem prévia autorização.
Desenvolvido e mantido por: Softvideo produções