Carregando aguarde...
Itapira, 12 de Julho de 2020
Notícia
11/08/2016 | Para Sampaio, placar da votação de parecer evidencia que impeachment será aprovado

Deputado federal avalia que afastamento definitivo de Dilma será confirmado pelo plenário do Senado

 

O Senado aprovou na madrugada de quarta-feira (10/8) o parecer da Comissão do Impeachment por 59 votos contra 21 e, agora, Dilma Rousseff será julgada pelo plenário até o final deste mês. O resultado contou com cinco votos a mais do que o mínimo necessário para aprovar o afastamento definitivo (54 votos).

Para o deputado federal e vice-presidente nacional do PSDB, Carlos Sampaio (SP), o crime de responsabilidade praticado pela petista ficou comprovado ao longo do processo de impeachment e os senadores deverão aprovar o afastamento definitivo de Dilma. “Agora, falta muito pouco para nos livrarmos, de uma vez por todas, da Dilma, do PT e dessa fase triste que vivenciamos na política brasileira”, disse Sampaio.

Para ele, o resultado da votação do parecer evidencia que os senadores aprovarão o impeachment. “Essa vitória expressiva evidencia que a votação final do impeachment, que se iniciará no próximo dia 23, será amplamente favorável ao afastamento definitivo de Dilma, pois, para tanto, bastariam 54 votos.”

Segundo Sampaio, desde o início do processo, quando foi um dos primeiros parlamentares a defender a saída de Dilma, nunca teve dúvidas sobre a responsabilidade da presidente nas fraudes fiscais praticadas pelo governo e nos sucessivos escândalos de corrupção que marcaram a gestão da petista.

 

Relatório

No relatório do senador Antonio Anastasia (PSDB-MG), constam como crimes de responsabilidade a edição de decretos de crédito suplementar sem autorização do Congresso Nacional e as pedaladas fiscais, que consistem nos atrasos em repasses de subvenções do Plano Safra.

Após a votação pela procedência da acusação, foi encerrada a segunda fase do processo de impeachment no Senado, a da pronúncia. A última etapa, do julgamento final, está prevista para ocorrer até o fim de agosto. Nesse estágio, depois de ouvidas novas testemunhas, os senadores irão individualmente manifestar o voto. É necessária maioria qualificada, de 54 senadores, para decidir pela cassação ou absolvição de Dilma Rousseff.

 

 

 

(Com informações do Diário Tucano)

 

 

 

Saiba mais

Carlos Sampaio tem 53 anos, está no quarto mandato de deputado federal e é vice-presidente nacional do PSDB. Foi líder do partido na Câmara por duas vezes (2013 e 2015). É natural de Campinas (SP), onde foi vereador e secretário municipal de Segurança Pública. Também foi deputado estadual. Formado em Direito, é procurador de Justiça licenciado, tendo atuado em várias cidades dos estados de Minas Gerais e São Paulo. Em 2013, foi apontado pelo Departamento Intersindical de Assessoria Parlamentar (Diap) como o oitavo parlamentar mais importante do Congresso Nacional.

 

 

 

Deputado federal Carlos Sampaio

Assessoria de imprensa: (19) 99602-3773

 

www.carlossampaio.com.br

www.facebook.com/DeputadoCarlosSampaio

 

www.twitter.com/carlossampaio_ 

Fonte: Da Redação do PCI

Comentários, artigos e outras opiniões de colaboradores e articulistas não refletem necessariamente o pensamento do site, sendo de única e total responsabilidade de seus autores.

Veja Também
Deixe seu Comentário
(não ficará visível no site)
* Máx 250 caracteres

* Todos os campos são de preenchimento obrigatório

598 visitantes online
O Canal de Vídeo do Portal Cidade de Itapira

Classificados
2005-2020 | Portal Cidade de Itapira
® Todos os direitos reservados
É proibida a reprodução total ou parcial do conteúdo deste portal sem prévia autorização.
Desenvolvido e mantido por: Softvideo produções