Carregando aguarde...
Itapira, 10 de Agosto de 2022
Artigo
04/10/2012 | José Carlos Barbieni: Você já prestou atenção no tempo??
Olá a todos, com tempo bem curto, estou de volta!
E por falar em tempo curto, quantas pessoas já não comentaram com você que o tempo parece “voar”, que parece estar passando mais rápido, afinal já estamos em outubro, e logo teremos o início das propagandas natalinas, e quando nos dermos conta... Já é fim de mais um ano!
Existem teorias sobre o assunto, algumas bastante criativas e outras mais críveis, bem mais próximas da realidade, leiam e decidam em qual acreditar.
Alguns cientistas acreditam que após sucessivos terremotos submarinos nas últimas décadas, sendo alguns de grande porte, que causaram inclusive os tsunamis da indonésia e Japão, teriam acelerado a velocidade da “inversão dos pólos”, fazendo com que o campo magnético da terra sofresse alterações e por conseqüência, uma pequena redução na rotação do planeta causando mudanças na nossa percepção de tempo.
É fato, os pólos estão sim se movimentando, e o tsunami de 2004, que vitimou mais de 230.000 pessoas, principalmente na Indonésia, pode ter causado um movimento nos pólos da terra da ordem de 2,5 cm, o que parece pouco, mas nunca se sabe diante do fato de que realmente os pólos já foram invertidos.
Outra teoria, mais realista sugere que tudo não passa de imaginação mesmo, partindo do fato que geralmente são as pessoas de mais idade que  “acham” que o tempo está passando mais depressa eles explicam:
Nosso cérebro aprende por repetição, memorização e comparação com o que vimos e estamos vendo, não entendeu? Calma, é o seguinte, quando aprendemos a andar de bicicleta, nosso cérebro “memoriza” as tarefas necessárias para andar de bicicleta, e dali em diante, toda vez que formos andar de bicicleta, as informações já memorizadas serão postas em uso, mesmo que seja outro modelo de bicicleta, nosso cérebro vai comparar o que foi aprendido com as necessidades do momento, e não teremos dificuldade nenhuma.
Tal qual o que acontece com o aprendizado das tarefas, nosso cérebro age desta forma também para os fatos que nos cercam, memorizando o seu acontecimento, e se esses fatos se repetirem, passamos a fazê-los de forma automática semelhante a andar de bicicleta, veja um exemplo: De tanto executar as tarefas de fechar a casa à noite, sempre do mesmo jeito, as vezes não ocorre de já estar na cama e ficar na dúvida se alguma coisa deixou de ser feita? E assim acontece também com outras tarefas do dia a dia, se forem repetitivas.
Pois bem, se pensarmos um pouco, veremos que o passar do ano se da com referências como o primeiro dia do ano, carnaval, semana santa, Dia das Mães, festas juninas, independência, aniversários, feriados de novembro e pronto, já estamos no fim do ano de novo! Com o passar dos anos de vida, nosso cérebro vai “gravando” essas referências e o que acontece nesse intervalo de tempo quase não é lembrado, só pra testar, você se lembra de uma notícia da semana passada, ou qual foi o tema do meu texto anterior?
Por estarmos passando nossos anos de forma repetitiva e rotineira passamos a dar mais atenção aos fatos de referência, e vivemos o restante “tocando o barco” como se diz, daí o porquê de se achar que o tempo está passando mais depressa, mas não podemos nos esquecer que o aumento das atividades, da correria do dia a dia também faz com que nem prestemos atenção no passar do tempo, convenhamos... Não dá tempo de ver o tempo passar!
Muita saúde, Paz e Prosperidade a todos!!
José Carlos Barbieni – Serralheiro
Técnico em informática pela Etec “João Maria Stevanatto”- Itapira-SP

E-mail: [email protected] 

Fonte: José Carlos Barbieni

Comentários, artigos e outras opiniões de colaboradores e articulistas não refletem necessariamente o pensamento do site, sendo de única e total responsabilidade de seus autores.

Outros artigos de José Carlos Barbieni
Deixe seu Comentário
(não ficará visível no site)
* Máx 250 caracteres

* Todos os campos são de preenchimento obrigatório

1219 visitantes online
O Canal de Vídeo do Portal Cidade de Itapira

Classificados
2005-2022 | Portal Cidade de Itapira
® Todos os direitos reservados
É proibida a reprodução total ou parcial do conteúdo deste portal sem prévia autorização.
Desenvolvido e mantido por: Softvideo produções