Carregando aguarde...
Itapira, 18 de Junho de 2024
Artigo
01/06/2012 | Luiz Santos: Desde 26 de junho de 1874

 “Não a nós, Senhor, nenhuma glória para nós, mas sim ao teu nome, por teu amor e por tua fidelidade.” (Sl 115.1)

Junho é o mês dedicado às comemorações ao aniversário da Igreja Presbiteriana Central de Itapira. Esta veneranda comunidade completará 138 anos organizada desde 26 de junho de 1874. Grandes vultos do presbiterianismo brasileiro ocuparam o púlpito desta igreja: George Chamberlain (o primeiro missionário), George Mash Morton, Edward Lane (o organizador da Igreja), John Boyle, Álvaro Reis, Miguel Rizzo, apenas para citar alguns. Dezenas de outras Igrejas estão ligadas a ela por laços de filiação de primeira e segunda geração e um número expressivo de seus filhos foram honrados com o chamado ao ministério pastoral.

Somos gratos a Deus pela fidelidade de muitos presbíteros, diáconos, líderes dos trabalhos nas sociedades internas que ofertaram aqui a sua vida como um sacrifício vivo e espiritual a Deus, muitos dos quais já estão na glória aguardando a ressurreição final. Também louvamos a Deus pela santa perseverança das famílias que com dedicação e zelo levaram a diante todo o trabalho aqui realizado: Os Bolognas, Pereiras, Frays, Wismann, Camargos, Cardosos, Baptistas e etc. Sem a herança dos filhos dos profetas esta história não poderia ser escrita.

Contudo não obstante esta galeria de nossos herois locais da fé, a glória não nos pertence, mas somente a Deus. Foi Ele quem desejou salvar alguns aqui em Itapira, e, Ele mesmo providenciou todos os meios para isso. A organização desta comunidade local faz parte da estratégia de Deus para notificar os homens para que se arrependam e se acheguem a Cristo (At 17.30). Sendo assim não podemos comemorar dignamente o aniversário da Igreja com uma programação cujo fim seja entreter de alguma maneira os crentes e providenciar-lhes a audição de um pregador renomado ou de um coral famoso. Acredito que a melhor maneira de agradecermos a Deus por sua fidelidade em nossa história mais que secular é dando os seguintes passos:

1. Reconhecer diante de Deus tudo que em nós retardou o avanço do Reino. Confessar nossos pecados e transgressões. Confessar e chorar nossas iniquidades. Rasgar diante do Senhor o nosso coração e suplicar por quebrantamento e pureza. Reconhecer que os revezes repousam exclusivamente em nossa culpa.

2. Reconhecer agradecidos tão grande misericórdia e tão grande longanimidade do Senhor. Não só por causa de nós e através de nós, mas, sobretudo apesar de nós, Ele manteve-se fiel, honrou as suas Palavras e promessas e conduziu neste lugar muitos pecadores à regeneração e à vida salva e segura em Cristo. Reconhecer que não obstante nossas muitas negligências, o Espírito do Senhor jamais cessou a sua atividade entre nós. Aí sim, sermos profundamente agradecidos a Deus por ter dado a nós o privilégio de colaborar com Ele em sua obra e por Ele ter tão gentilmente nos capacitado para servir em seu Nome.

3. Por último, devemos renovar nosso compromisso de missionários e testemunhas do Senhor. Devemos nos comprometer com sua santidade e com o seu projeto de resgatar vidas. Precisamos fazer-nos presentes com ousadia, intrepidez e graça no mundo para o anúncio e testemunho do Evangelho da salvação. A celebração deve ter o seu ponto alto fora dos muros da Igreja. Celebrar deverá consistir em lançar as redes em águas mais profundas (Lc 5.4 NVI).

Nada é mais agradável a Deus do que um povo deleitoso e dedicado em obedecer a urgência da Grande Comissão. Celebrar na IPCI é Evangelizar!

Reverendo Luiz Fernando

Pastor Mestre da Igreja Presbiteriana Central de Itapira

Fonte: Luiz Santos

Comentários, artigos e outras opiniões de colaboradores e articulistas não refletem necessariamente o pensamento do site, sendo de única e total responsabilidade de seus autores.

Outros artigos de Luiz Santos
Deixe seu Comentário
(não ficará visível no site)
* Máx 250 caracteres

* Todos os campos são de preenchimento obrigatório

905 visitantes online
O Canal de Vídeo do Portal Cidade de Itapira

Classificados
2005-2024 | Portal Cidade de Itapira
® Todos os direitos reservados
É proibida a reprodução total ou parcial do conteúdo deste portal sem prévia autorização.
Desenvolvido e mantido por: Softvideo produções