Carregando aguarde...
Itapira, 13 de Agosto de 2022
Notícia
13/09/2014 | Umidade relativa do ar chegou a 11% no final de agosto

 

Emir: hidratação à base de água , sucos naturais e chá

 

A passagem de uma fren­te fria na região a partir do primeiro dia deste mês se não trouxe uma chuva dig­na do nome, pelo menos influenciou diretamente na melhoria das condições da umidade relativa do ar, que no final do mês passado, mais especificamente no dia 23, havia atingido a incrível marca de 11% de mínima, segundo dados coletados pela miniesta­ção metereológica que o INMET (Instituto Nacional de Metereologia) possui na cidade. Só para se ter uma idéia da gravidade da situação, este é o índice encontrado em desertos.

Uma das consequências imediatas desta situação foi o aumento na procu­ra por consultas médicas. “Registramos durante todo o mês de agosto uma movi­mentação acima do normal nas unidades básicas de saúde”, informou a diretora da Rede Básica Municipal, a enfermeira Deise Aparecida Sega Fernandes. Segundo ela, consequentemente, aumentou o número de pessoas que recebem aten­dimento de inalação e os pedidos de medicamen­tos.

“Normalmente este movimento ocorre neste período do ano, mas a im­pressão que tivemos é de que o aumento maior na demanda guarda relação direta com as condições do ar”, avaliou. Deise informou ainda que o aumento da demanda se concentra no público infantil e no público mais idoso.

O pediatra Emir Fessal Sabbag chamou a atenção para cuidados especiais que crianças e também idosos devem ser objeto nestas circunstâncias. A primeira medida efetiva segundo ele é a hidratação. “Imprescindível a inges­tão de muita água, suco natural ou chá. Bebidas como refrigerantes devem ser evitados”, recomenda. Em casa, ele alerta para cuidados que ajudam a umidificar o ar. “Quem não pode adquirir um umidifi­cador desses vendidos nas  lojas, pode perfeitamente se fazer valer de recursos que costumam dar certo como colocar uma toalha molhada ou mesmo uma vasilha com água onde as pessoas dormem”, sugeriu.

 

 

Escolas


Nas escolas a maior pre­ocupação ficou por conta das aulas de Educação Fí­sica. Conforme esclareceu o professor de Educação Física, José Renato Gomes Ferreira, 48, que leciona no Anglo, atividades de­baixo de sol nesta época do ano nem pensar. “Temos a vantagem de usufruir de uma quadra coberta. Isso ajuda muito. Mas devemos também selecionar neste período mais seco atividades menos intensas do ponto de vista físico, mais recreativos, para não forçar as crianças. E como regra básica neste período, hidratação a todo momento. Quando um aluno pede para tomar água, para imediatamente o que está fazendo e vai se hidratar”, mencionou

 

 
Fonte: Da Redação do PCI

Comentários, artigos e outras opiniões de colaboradores e articulistas não refletem necessariamente o pensamento do site, sendo de única e total responsabilidade de seus autores.

Veja Também
Deixe seu Comentário
(não ficará visível no site)
* Máx 250 caracteres

* Todos os campos são de preenchimento obrigatório

1526 visitantes online
O Canal de Vídeo do Portal Cidade de Itapira

Classificados
2005-2022 | Portal Cidade de Itapira
® Todos os direitos reservados
É proibida a reprodução total ou parcial do conteúdo deste portal sem prévia autorização.
Desenvolvido e mantido por: Softvideo produções