Carregando aguarde...
Itapira, 31 de Outubro de 2020
Notícia
26/12/2014 | Itapira na relação dos municípios em Estado de Alerta por causa da Dengue

  


A secretária municipal de Saúde, Rosa Ângela Ia­marino, anunciou na tarde de sexta-feira,  durante entre­vista, que Itapira passou a integrar, por decisão do Grupo de Vigilância Epide­miológica da Secretaria Estadual de Saúde, o rol de cidades da Direção Regio­nal de Saúde de São João da Boa Vista que foram incluídas em “Estado de Alerta” por causa da Den­gue. Mogi Mirim e Mogi Guaçu também figuram na relação.

Em termos práticos, a secretária explicou, acom­panhada da enfermeira Josemary Apolinário, chefe da Divisão de Vigilância Epidemiológica, que serão aplicadas medidas mais intensas no combate aos criadouros do mosquito transmissor, o Aedes Ae­gypt. “O Estado de Alerta agiliza demandas para necessidades mais urgen­tes, sem interferência no comando das operações”, disse Rosa.

Na segunda e na ter­ça-feiras, moradores de algumas regiões, mais notadamente aquela que abrange o Jardim Soares, bairros adjacentes e boa parte da região central, receberão a visita de um veículo motorizado que vai intensificar o trabalho de nebulização. Josemary esclareceu que este veículo percorrerá as ruas e dirige jatos da névoa contendo o inseticida para dentro dos imóveis. Normalmente, este serviço é feito por operadores individuais que leva às costas equi­pamento de nebulização. “Os moradores serão es­clarecidos a deixarem suas portas e janelas abertas e a tomarem cuidados com bichinhos de estimação, principalmente aves. Te­remos um carro de som orientando os moradores, além de avisos na Rádio Clube”, esclareceu Rosa. Ainda segundo ela,este trabalho especificamente será realizado pela Sucem (Superitendência de Con­trole de Endemias), órgão do Ministério da Saúde.

O município, em contra­partida, contratou equipes terceirizadas para fazer a nebulização com costeiras. A chegada do Verão, que começa oficialmente na noite deste domingo, traz preocupação adicional por causa das chuvas. Rosa disse que será aumenta­do o número de pessoas para realização dos tra­balhos de visitação aos domicílios. “Este esforço num primeiro momento irá reduzir a população dos mosquitos, mas de forma provisória. A população precisa fazer sua parte e eliminar os criadouros”, disse Josemary. Ela avi­sou que o município não irá se furtar em fazer uso da legislação que obriga vistorias e a aplicar mul­tas em residências onde o proprietário é reincidente quando encontrados focos de criadouros. “A gente primeiro emite uma ad­vertência para que sejam tomadas as providências. Depois se numa nova visita o problema persistir, pode­remos multar”, advertiu.

Números

O quadro atual configura estado epidêmico, com 802 notificações e 380 casos confirmados,dos quais, somente 18 importados e outros 10 de origem não esclarecida. O setor 03 (da região do Jardim Soa­res) concentra quase 70% dos casos. O ano de 2014 termina como o segundo pior em termos de casos oficiais, perdendo para 2002 quando foram torna­dos oficiais 582 casos. Em 2010 foram confirmados 330 casos.

Com a chegada das férias escolares, a Secretaria de Saúde entrou em entendi­mento com a Secretaria de Educação para que sejam tomadas medidas contra a proliferação de criadouros. “Este esforço vale tam­bém para todas as demais secretarias. Estamos tra­balhando em conjunto e precisamos envolver mais a própria comunidade para vencermos esta batalha”, declarou Rosa.

Fonte: Da Redação do PCI

Comentários, artigos e outras opiniões de colaboradores e articulistas não refletem necessariamente o pensamento do site, sendo de única e total responsabilidade de seus autores.

Veja Também
Deixe seu Comentário
(não ficará visível no site)
* Máx 250 caracteres

* Todos os campos são de preenchimento obrigatório

1648 visitantes online
O Canal de Vídeo do Portal Cidade de Itapira

Classificados
2005-2020 | Portal Cidade de Itapira
® Todos os direitos reservados
É proibida a reprodução total ou parcial do conteúdo deste portal sem prévia autorização.
Desenvolvido e mantido por: Softvideo produções