Carregando aguarde...
Itapira, 18 de Junho de 2024
Artigo
04/07/2012 | Clovis Akira: Por que o japonês trabalha tanto?
O ambiente de trabalho nas empresas japonesas é altamente estressante devido ao ritmo acelerado para atingir as metas de produção, fazendo com que o funcionário trabalhe toda sua jornada em estado de grande pressão psicológica.
As cobranças por desempenho e produtividade com qualidade no serviço são constantes, além disso, também existe a competição interna para atingir uma ascensão na escala hierárquica das organizações, onde é levado muito em conta o desempenho e dedicação ao trabalho.
Todos esses fatores estão causando diversas doenças físicas e principalmente mentais, alertando as autoridades japonesas para o número recorde de afastamentos de trabalho.
Dados do Ministério do Trabalho dão conta que 325 pessoas afastaram-se do trabalho por depressão ou outras condições mentais, de abril de 2011 a março de 2012. O número está 17% acima dos dados do ano anterior, outro fato alarmante é de que 66 pessoas cometeram suicídio ou tentaram se matar.
Em relação à faixa etária, 112 pessoas estavam na faixa dos 30 anos e 69 pessoas estavam na faixa dos 20 anos.
A causa mais comum foi carga excessiva de trabalho ou mudança na atribuição de tarefas, com 16%. A segunda causa mais comum foi acidente ou desastre grave, com 15%, bullying e assédio ficaram na terceira posição com 12%.
Devido à crise econômica mundial, o país ainda passa por um período de recessão, e o corte nas despesas das empresas foi grande. As contratações agora estão em número bem reduzido, consequentemente diminuíram os investimentos em treinamento e integração de novos funcionários, fazendo com que o novo funcionário entre direto na linha de produção, mesmo com menos treinamento, acabam desempenhando as mesmas tarefas e cobranças dos funcionários mais experientes. Sem estar habituado a esse sistema rígido e estressante, cada vez mais jovens estão apresentando doenças mentais.
O Ministério do Trabalho preocupado com os números crescentes, já divulgou os dados para as empresas e sindicatos, no intuito de rever os métodos e processos de produção, dando maior atenção aos trabalhadores.
 
 
 
Fonte: Clovis Akira

Comentários, artigos e outras opiniões de colaboradores e articulistas não refletem necessariamente o pensamento do site, sendo de única e total responsabilidade de seus autores.

Outros artigos de Clovis Akira
Deixe seu Comentário
(não ficará visível no site)
* Máx 250 caracteres

* Todos os campos são de preenchimento obrigatório

1456 visitantes online
O Canal de Vídeo do Portal Cidade de Itapira

Classificados
2005-2024 | Portal Cidade de Itapira
® Todos os direitos reservados
É proibida a reprodução total ou parcial do conteúdo deste portal sem prévia autorização.
Desenvolvido e mantido por: Softvideo produções